Quais são as fases do planejamento tributário?

então entenda qual o Regime Tributário é melhor e mais barato para o seu negócio.

O planejamento tributário possui uma série de etapas que devem ser cumpridas, não basta ativar o inversor de frequência e esperar que tudo ocorra de forma automática, é necessário seguir cada uma das fases solicitadas.

PRIMEIRA FASE: ENTENDER OS OBJETIVOS E PROCESSOS DA SUA EMPRESA

A primeira fase do planejamento tributário também é considerada como uma das mais importantes, afinal, esse é o momento de você reunir informações e entender por completo quais são os objetivos e processos que estão sendo executados dentro da sua empresa.

É preciso saber qual o tipo de regime tributário que sua empresa está enquadrada, qual o seu faturamento atual, previsão de faturamento e despesas operacionais, serviços, informações sobre o estoque, folha de pagamento, margem de lucro, quadro de sócios, porte da empresa, valor pago aos funcionários, volume dos negócios e situação econômica atual.

Todas essas informações devem ser averiguadas e coletadas junto a sua equipe de contabilidade, isso vai te auxiliar a ter uma dimensão melhor sobre os seus processos e entender seus objetivos principalmente financeiros.

Essa é uma das formas de organizar suas finanças e deixar tudo alinhado e transparente, assim como uma enceradeira de piso pode fazer em uma sala, fazendo com que tudo fique limpo, sem nenhuma “poeira”.

SEGUNDA FASE: CONHECER E DESIGNAR A EQUIPE PARA A LEGISLAÇÃO TRIBUTÁRIA

A segunda fase é começar a designar e entender um pouco melhor, sobre a legislação tributária, é preciso que o gestor e dono da empresa, entendam sobre este assunto, mesmo que não seja a sua praia, ter mais conhecimento auxilia em toda a construção do planejamento.

Também é necessário conversar e designar a equipe contábil responsável pelo seu desenvolvimento, veja quem são os profissionais escolhidos para a execução dessa atividade, sob a supervisão de uma autoridade hierárquica de um nível maior.

TERCEIRA FASE: APURAÇÃO COMPLETA DO REGIME TRIBUTÁRIO

Um dos grandes objetivos do planejamento do regime tributário é identificar e realizar a redução de custos da sua empresa de forma natural, sendo assim, é preciso apurar de forma completa, qual o regime tributário que sua empresa pode se encaixar e qual é considerado o melhor para esta situação.

Como opções, temos o Simples Nacional, o Lucro Real, Lucro Arbitrado e Lucro Presumido, cada um terá uma margem de impostos a serem pagos, então veja as melhores opções que encaixem na sua empresa visando sempre a economia, assim como acontece quando você utiliza uma central de alarme de incêndio dentro de edifícios.

QUARTA FASE: ADIÇÃO DO PIS E DO COFINS NO PLANEJAMENTO

Na quarta fase temos a adição de duas tributações importantes, o Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (COFINS). Eles impactam diretamente a economia e gestão financeira presentes dentro da sua empresa.

As empresas que optam pelo Lucro presumido apuram esses tributos pelo regime cumulativo, enquanto no Lucro real apurado pelo não cumulativo, fique de olho nesta fase e vise considerar a economia tributária em sua totalidade.

QUINTA FASE: DEFINIÇÃO DOS PLANOS A CURTO E MÉDIO PRAZO

Sua empresa possui algum tipo de planejamento a curto e médio prazo? Uma possível expansão de infraestrutura ou na contratação de novos colaboradores, e até mesmo a criação de uma filial.

Se você pensa em alguma mudança de grande porte, comece a colocar isso dentro do seu planejamento tributário, é importante focar não apenas no momento, mas também no futuro, qualquer pequena alteração de planos a médio prazo pode influenciar diretamente e fazer com que você tenha que refazer tudo o que foi construído até então.

SEXTA FASE: CRIAR CENÁRIOS E REALIZAR SIMULAÇÕES

Todos os passos que vimos acima, são importantes para chegar na última e derradeira etapa do planejamento tributário: criação de cenários e realização de simulações, colete todos os dados que viu na primeira fase, e junte com seu conhecimento das fases 2,3 e 4, junto com suas metas traçadas na 5 fase.

Isso vai te dar um panorama completo de quais são os melhores regimes tributários que se encaixam na sua empresa e qual a melhor opção para o seu negócio, realize uma série de simulações para encaixar o melhor valor possível e conferir aquilo que faz com que você consiga economizar dinheiro.

Tenha paciência, ligue seu ventilador climatizador, sente em uma cadeira confortável e coloque a mão na massa, não esqueça de selecionar com sabedoria e precisão, já que o regime tributário só pode ser alterado a cada 12 meses, então entenda qual o melhor e mais barato para o seu negócio.

Fonte: JusBrasil

 

A Contabilitec é uma empresa capacitada a oferecer consultoria para Regime tributário de empresas.



Ultimas postagens

BLOG

LEIA TODAS AS NOTÍCIAS

Contadores são grandes aliados na hora de manter a rotina financeira e gestão dos negócios
Contabilidade para PME: como fazer, dicas e pontos mais importantes
Nova tabela do Imposto de Renda tem novos valores de isenção e desconto simplificado
Tabela do Imposto de Renda 2024 é oficialmente atualizada; veja o que muda
A entrega da declaração do Imposto de Renda começa dia 15 de março
Imposto de Renda: saiba como se preparar e quais documentos reunir
WhatsApp chat

Nós utilizamos cookies neste para poder oferecer uma melhor experiência. Para conhecer a nossa Política de Privacidade e Conformidade com a GPDR, clique aqui.